Testemunhas de Jeová tem cerca de 175 mil seguidores no país. Grupo é considerado 'uma ameaça para os direitos das pessoas, da ordem pública e da segu

Suprema corte russa proíbe atividade de testemunhas de Jeová

Suprema Corte da Rússia proibiu nesta quinta-feira (20) a atuação da organização Testemunhas de Jeová, de acordo com a agência France Presse.

O ministério da Justiça russo havia apresentado uma ação no Supremo Tribunal considerando as Testemunhas de Jeová "uma ameaça para os direitos das pessoas, da ordem pública e da segurança pública".

O juiz Yury Ivanenko afirmou na sentença que a organização "deverá entregar à Federação russa suas propriedades".

Um líder russo das Testemunhas de Jeová, Iaroslav Sivoulski, declarou estar "chocado" com a decisão dos juízes e anunciou que a organização religiosa vai apelar.

"Não pensava que algo assim poderia acontecer na Rússia moderna, onde a Constituição garante a liberdade de religião", disse ele.

Atividades suspensas

Em março, o Ministério da Justiça já tinha suspendido as atividades do grupo, acusado de armazenar e difundir literatura religiosa de caráter extremista. Na ocasião, o Centro de Direção das Testemunhas de Jeová na Rússia, que dirige todas as filiais regionais e locais da comunidade religiosa, foi incluído na lista de organizações não governamentais e religiosas que foram suspensas por extremismo.

O porta-voz das Testemunhas de Jeová na Rússia, Ivan Belenko, denunciou na época à agência Efe que a decisão das autoridades russas privaria do direito à liberdade ao culto os 175 mil seguidores que dessa comunidade no país.

"Todas as decisões judiciais contra nós se baseiam em uma única acusação: que alguns de nossos livros e discursos estão na lista de literatura extremista que existe neste país", explicou Belenko.

Belenko afirmou que as decisões de incluir algumas publicações na lista negra "foram tomadas com base em opiniões de falsos especialistas e sentenças judiciais ditadas às costas dos crentes", ainda segundo a Efe.

Disputas

O grupo religioso possui 395 centros em todo o país e já travou várias disputas com as autoridades russas nos últimos anos.

Em janeiro, o líder da organização na cidade de Dzerzhinsk foi multado por distribuir material considerado extremista pelas autoridades.

O governo russo dissolveu em 2004 um ramo da organização, uma decisão que a Corte Europeia de Direitos Humanos considerou em 2010 em violação aos direitos da religião e associação.

Outras Notícias

DER convoca mais 13 candidatos remanescentes do processo seletivo emergencial de 2016

O Departamento de Estradas de Rodagem, Infraestrutura e Serviços Públicos (DER) convoca nesta segunda-feira (26) mais...

Rondônia Rural Show recebe mais de 20 mil visitantes nos dois primeiros dias

Mais de 20 mil pessoas passaram pelo Parque Tecnológico nos dois primeiros dias da 6ª Rondônia Rural Show em Ji-Paran...

População terá transporte gratuito até a Rondônia Rural Show em Ji-Paraná

População terá transporte gratuito até a Rondônia Rural Show em Ji-ParanáDurante os quatro dias da 6ª Rondônia Rural ...

InterCorte Ji Paraná será durante a Expojipa em 12 e 13 de julho

A cidade de Ji-Paraná sediará pela quarta vez uma etapa da InterCorte, evento que vem percorrendo de forma itinerante...

6ª Rondônia Rural Show

A Rondônia Rural Show é uma feira de tecnologia e oportunidade de negócios voltados ao agronegócio do estado, realiza...

Cardozo depõe a Moro e diz que caixa 2 é "prática histórica"

 Apos depoimento ao juiz Sérgio Moro que durou cerca de 20 minutos, o ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardoz...

Emocionante! Mãe de Danilo consola jornalista durante entrevista

Nesta sexta-feira, o repórter Guido Nunes, do SporTV, entrevistava a mãe do goleiro Danilo, uma das vítimas do aciden...

Conmebol vai declarar Chapecoense campeã da Copa Sul-Americana

A Chapecoense será declarada campeã da Copa Sul-Americana 2016. A Conmebol já tomou a decisão, mas não a anuncia aind...

Alvo de 12 inquéritos, Renan diz que considera Lava Jato 'sagrada'

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou nesta quinta-feira (1º), em uma audiência pública na qual ...

Juízes e promotores protestam contra mudanças em pacote anticorrupção

Juizes e promotores protestaram em frente ao Supremo Tribunal Federal (STF) no início da tarde desta quinta-feira (1º...

Goleiro Jackson Follmann tem perna amputada após acidente da Chape

Um dos seis passageiros resgatado com vida após a queda do avião da Chapecoense em Medellín, o goleiro Jackson F...

Maurão de Carvalho prestigia festa em comemoração ao Dia do Servidor Público

O presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho (PMDB), prestigiou na manhã desta sexta-feira (28) o event...

Fique de olho: cinco assuntos que podem ser tema da redação

Uma das provas mais aguardadas nos vestibulares, a redação costuma gerar ansiedade nos estudantes porque, além de dem...

Veja os mistérios e as curiosidades de múmias que foram encontradas pelo mundo

28.out.2016 - Um grupo de cientistas da Universidade Nacional e Técnica de Atenas, em conjunto com uma equipe da Soci...

Eleitor que não votou nem justificou no 1º turno pode ir às urnas?

O eleitor que não votou nem justificou a ausência no primeiro turno das eleições poderá ir às urnas normalmente neste...

Poder Legislativo Municipal Câmara Municipal de Ji-Paraná

Sessão A 32ª Sessão Ordinária, que aconteceu nesta terça-feira (18), foi presidida pelo presidente da Câmara, Nilt...

Vereadores convocam presidente da Caerd para explicações sobre o desabastecimento de água

A 1ª Sessão Extraordinária aconteceu nesta sexta-feira (21), sem ônus para o município, visando formalizar a convocaç...

Ministro da Saúde admite que Brasil vive uma epidemia de sífilis

O ministro da Saúde, Ricardo Barros, admitiu que o país vive uma epidemia de sífilis. "Os casos subiram em número sig...

Governo prevê que PIB de Rondônia dobre em dez anos

O governo de Rondônia declarou nesta sexta-feira (21) que o Produto Interno Bruto (PIB) do estado deve dobrar em dez ...

Moro converte prisão de Palocci em preventiva, por tempo indeterminado

O juiz federal Sérgio Moro converteu as prisões temporárias do ex-ministro Antônio Palocci e do ex-assessor dele Bran...